fbpx Skip to main content

7 dicas para melhorar o controle financeiro da pequena empresa

Você sabia que uma em cada quatro empresas acabam fechando antes do seu segundo aniversário?  Esses dados, divulgados pelo Sebrae, são alarmantes. E dentre os demais problemas encontrados, como dificuldades de mercado, crise, economia em geral, que não fazem parte do controle das empresas, existem os problemas internos, de falta de organização e foco, e entre eles, a falta de um melhor controle financeiro.

Resolvemos fazer um levantamento com dicas que podem te ajudar a ter uma empresa com maior e melhor controle financeiro.

Controle tudo

Comece pelo básico, saiba tudo que entra e sai da sua empresa. Registre todo o dinheiro que você recebe e o que gasta. Controle todo seu estoque (se for o caso), seus funcionários, fornecedores e parceiros. Se for necessário (e sugerimos que faça isso), adquira um software de gestão.

Tenha um contador

Contrate um Contador de confiança, alguém que você possa delegar tarefas como gerenciamento de taxas e impostos, organize sua folha de pagamento e se mantenha atualizado, de olho em possíveis melhorias jurídicas e tributárias para sua empresa.

Se a sua empresa for um Salão de Beleza, procure um Contador especializado no seguimento. Existem diversos detalhes da Lei do Salão Parceiro que precisam ser observados para você ter acesso aos benefícios. Entenda mais clicando AQUI.

Corte despesas desnecessárias

É sempre possível cortar, principalmente quando falamos de custos fixos. Mantenha controle sobre seus gastos com energia elétrica, aluguel de espaços e estoque parado.

Mas também é possível ganhar mais rentabilidade em custos variáveis, analise por exemplo suas rotas de entregas e faça parceria com novos fornecedores de matéria prima.

Pense a longo prazo

Pensar a longo prazo pode te ajudar a ganhar a maratona. Analise parcerias que vão te trazer benefícios durante um maior espaço de tempo, às vezes aquela promoção tentadora, mas momentânea, pode sair cara.

Pense em longo prazo também quando planejar seu fluxo de caixa, vai que algumas coisas acabem por sair dos trilhos por um período e você necessite de um valor de forma instantânea? É melhor trabalhar com recursos próprios do que solicitar empréstimos, e, acredite, imprevistos acontecem.

 

Pesquise por melhores fornecedores

Assim como você, todos estão em busca de reduzir custos e vender mais. Barganhe com seus fornecedores, ofereça parcerias de longo prazo em que os dois sairão ganhando e, se os mesmos se mostrarem fechados a qualquer tipo de negociação, procure por novos fornecedores. Concorrência é algo saudável para os negócios e deve ser explorada a seu favor.

Fique de olho na legislação

Vivemos em tempos onde tudo muda muito rapidamente, e não é diferente com as leis, principalmente em tempos de crise, o governo se mexe para fazer a economia voltar a andar.

Então fique sempre atento, novas leis e incentivos estão sempre surgindo e você pode se beneficiar de algum deles.

Tenha um objetivo

Esse sem dúvida é seu principal ponto. Tenha um objetivo claro em mente, no papel, na parede do seu negócio, na tela de seu computador. Ele vai te ajudar a guiar tudo o que acontece na sua empresa, e principalmente em todo lugar que você aplica seu dinheiro.

 

Então, antes de tomar qualquer decisão, principalmente financeira, pare e reflita o quanto aquilo vai te ajudar a caminhar em busca do seu objetivo como empresa. Tenha sempre em mente que a responsabilidade final é sempre sua!

Seguindo um bom planejamento e controlando suas finanças, as chances são que sua empresa prospere e viva por bons longos anos.

 

Tem alguma dúvida sobre controle financeiro, manda aí que eu te ajudo!

 

Alexandre Silveira

Alê é um entusiasta que te ajuda a construir a empresa e a vida que você ama!

One thought to “7 dicas para melhorar o controle financeiro da pequena empresa”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *